Aspectos da liderança Servidora. #1. Caráter

Ao longo desta semana publicaremos pequenos artigos de liderança Servidora. Um conceito que baseia-se no princícpio de que a razão da existência do líder basi-ase na sua posição serivir ao outro. Ele partilha o poder, coloca as necessidades dos outros em primeiro lugar e ajuda as pessoas a desenvolverem e desempenharem as suas funções da melhor forma possível. Para inciar esta série, eu escolhi o caráter por acreditar que este seja um dos aspectos fundamentais do sucesso de uma liderança que por si só, já compreende o “sucesso” não do ponto de vista do lucro, crescimento financeiro e ganhos advindos do exercício do outro, mas da felicidade de poder ajudar o próximo. Vejamos a sua importancia e porquê um líder sem ele (caráter) pode ser qualquer coisa, menos um lider servidor.

O Caráter é um dos  princípios mais importantes que um líder pode possuir. Temos vivido dias de conflito e luta, e, particularmente, em nosso país, a crise moral que se instalou deve-se a, dentre outros fatores, a crise de caráter que encontramos na sociedade brasileira.

É o caráter que nos possibilita dormir com a consciência tranquila, com o senso do dever cumprido, sabendo que fizemos o que é certo e não o que foi mais fácil ou conveniente, aliás, fazer o certo nunca é fácil e ter caráter é sempre mais difícil quando tudo o que as pessoas a sua volta esperam é que você não tenha nem princípios nem valores, pois sem estes dois quesitos, é impossível se ter caráter, pois este nasce da junção destes dois. 

Podemos defini-lo como a “Caracterização do próprio sujeito; índole, temperamento, personalidade”. Em última análise, o caráter é o que nós somos e fazemos, quando nos comportamos diante dos outros e quando estamos a sós, quando ninguém nos observa. Por isto, um líder, pode não ter várias habilidades e ser problemático em muitas áreas, mas o mais importante é se tem ou não caráter como exemplo de quem é, da sua personalidade.

O caráter só pode ser revelado em duas situações:

  1. Quando ninguém está observando

Quando estamos cercados de gente nem sempre agimos como realmente somos, muitas vezes deixamos de fazer isto ou aquilo porque alguém está nos observando, ou por medo de sanções ou de magoar alguém. Somente quando estamos sozinhos é que realmente podemos deixar aflorar quem nós somos.

Quem você é quando está só? Quando ninguém te vê? A verdadeira problemática dos lideres é quando resolvem ser uma coisa na vida privada e outra na vida pública. Isto é um prato cheio para as falhas na personalidade.

O líder deve ter o cuidado de agir exatamente como pensa e  agir em público, ainda que ninguém esteja olhando.

Quando se está em crise:

A crise revela quem nós somos. Moisés revelou quem era quando foi testado. É a crise que revela como pensamos, como agimos e por tanto quem nós somos. Observe a tentação de Cristo.  O motivo pelo qual Satanás tentou a Jesus no final dos quarenta dias e noites, quando Jesus teve fome foi que o inimigo sabia que neste momento Jesus estaria mais vulnerável. 

Quando teve fome e exaustão, Jesus se tornou um alvo vulnerável ao ataque de seu algoz, sua mente, seu corpo e seu espirito estavam debilitados, naquele momento de crise, Jesus revelou quem ele era, sua natureza, sua essência.

Quem é você quando está com fome? Com medo? Cansado? É no momento da crise que aflora exatamente quem nós somos.

Um autor fundamental sobre liderança que não poderia deixar de citar é o pastor afro-americano Myles Murnoe (1954-2014), acho que nenhum outro pastor chamou-nos tanto a nossa atenção para a importância do caráter.

Em sua obra, intitulada em português: O poder do caráter  na liderança, ele explica o processo de formação do caráter, como se desenvolve e como o líder deve fazer para cultivá-lo.

Segundo ele, o processo ocorre da seguinte forma:

  • Nossas crenças levam-nos as nossas convicções;
  • Nossas convicções geram nossos valores (que estão ligados às nossas atitudes e percepções);
  • Nossos valores formam nossa moral, ou princípios
  • Nossa moral/princípios leva-nos a conduta pessoal correspondente;
  • Nossa conduta/ações disciplinadas manifestam-se na forma nossa ética;
  • Nossa ética resulta em nosso caráter. (MUNROE: 2015,70)

Como ressalta acima o Dr. Miles Munroe o caráter é fruto de um longo processo e de escolhas feitas durante a vida que, ao final, vão ajudar a ser quem somos. Em última análise, segundo o autor “Nosso caráter determina o nosso estilo de vida”.

Extrraído do Livro: Os 7 princípios da liderança. Comportamentos e atitudes que todos líder deve conhecer. Amazon, 2018.

Bibliografia:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Servant_leadership

MUNROE, Miles. O poder do Caráter na liderança: como os valores, a moral, a ética e os princípios afetam os líderes. Rio de Janeiro, Ed. Central Gospel, 2015.

PEREIRA, Júlio César M. da S. Os 7 principios da liderança. Comportamentos e atitudes que todos líder deve conhecer. Rio de Janeiro, Ebook Kindle. Amazon.

Adquira o livro em:

[jetpack_subscription_form show_only_email_and_button=”true” custom_background_button_color=”#cf2e2e” custom_text_button_color=”undefined” submit_button_text=”Subscribe” submit_button_classes=”wp-block-button__link has-text-color has-background has-vivid-red-background-button-color” show_subscribers_total=”false” ]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.