Durante muito tempo se pensou que o segredo do sucesso seria o segredo das informações, do conhecimento e dos bens. Hoje, percebe-se que o grande segredo é justamente o oposto. O grande Pastor Martin Luther King Jr. pode nos ensinar, através de sua trajetória de vida, o segredo do sucesso da sua campanha vitoriosa contra a segregação racial nos Estados Unidos, na primeira metade do século XX. A semente da sua mensagem foi plantada de forma eficaz que produziu uma mudança tão profunda a ponto de que, em 2008, a sociedade americana, poder ter o seu primeiro presidente negro da História, Barack Obama.  A seguir, destacamos alguns dos itens importantes que  Martin compartilhou e que nós também devemos fazê-lo se quisermos deixar sementes de mudança em nossa sociedade.

 

COMPARTILHOU A  SUA VISÃO

Martin compartilhou sua visão. Em  um dos Seus últimos sermões, ele pregou aos ouvintes dizendo que havia subido  o monte (metaforicamente) e que de lá, podia ver as campinas do Jordão, o que pode ser traduzido por sua vontade de dias melhores para os afro-americanos que viviam uma forte segregação racial e um massacrante estado de discriminação e preconceito que impedia aos afro americanos de, por exemplo, terem direito ao voto. O pastor estadunidense era não apenas capaz de ver dias melhores, mas também de contar isto a todos que estavam a sua volta.

Liderados não podem fazer o que não vêm, por isto a visão do líder não pode ser algo que ele guarde apenas para ele, é preciso compartilhá-la com os demais. É preciso que ele mostre exatamente o que vê, o que percebe e onde quer chegar. Ninguém gosta de seguir na direção de algo que não pode ver.

 

COMPARTILHOU OS SEUS SONHOS

Martin Luther King compartilhou seus sonhos declarando-o. “Eu tenho um sonho!”, pregava ele.  O sonho dele era o da igualdade racial nos Estados Unidos, ele compartilhou esta vontade com milhares de afro-americanos contagiando os demais a sua volta, até que o seu sonho se uniu ao sonho de outros milhares que também tinham a mesma esperança.

Seus sonhos e projetos precisam ser compartilhados com os demais. É preciso que você compartilhe-os para alcançar a sua meta. Um sonho só pode ser realizado quando ele conta com a participação dos demais. Ninguém pode realizar sozinho.

Há muitos lideres que reclamam da falta de ajuda, mas não se lembram da importância de compartilhar os seus desejos.

COMPARTILHOU SUA ESTRATÉGIA

O Dr. Martin Luther king Jr. adotou uma estratégia de luta muito definida em relação ao modo que deveria combater a segregação racial, da não violência, ou seja, eles deveriam promover manifestações pacíficas e sem o uso da violência, mas da resistência. Em vários de seus sermões ele deixou isto claro aos seus ouvintes, seus seguidores sabiam exatamente o que fazer e o que esperar dele. Seus liderados  podem até criticar um lífer por ter adotado uma estratégia equivocada, mas não por ele não ter uma estratégia definida.

Ao escolher uma determinada estratégia, compartilhe com o grupo, ele precisa saber o que você pensa e o que você espera que eles façam

Em fim, Martin Luther King Jr, assassinado em 4 de abril de 1968, em Menphis, no Tennesse,  o que ele compartilhou hoje faz parte da estratégia  de muitos, dos sonhos de milhares e projeto de vida de todos aqueles que desejam a construção de um mundo melhor.

REFLEXÃO

A. As pessoas ao meu redor sabem exatamente o que eu desejo?

B. Aqueles que trabalham comigo, meus colaboradores sabem o que eu espero deles?

c. As pessoas sabem o que eu vejo, ou para onde eu quero chegar?

Pense nisto.

 

By Júlio César Medeiros

Anúncios

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.